Sobre parar de tirar as cutículas e esmaltação americana!

Hi sweeties!
Há um tempo atrás eu consegui ficar sem tirar as cutículas por uns meses. Eu empurrava com a espátula e tirava apenas o excesso com o alicate e até estava satisfeita com o resultado: as unhas ficaram mais fortes, as ondulações diminuíram bastante, mas eu não resisti e acabei tendo uma recaída. Nas primeiras vezes eu tirei menos e em intervalos maiores do que costumava tirar, mas com o passar do tempo comecei a tirar tudo de novo, toda semana, e voltaram os machucados, as ondulações, as unhas enfraqueceram e as cutículas ficaram sensíveis. Depois disso, eu até tentei outras vezes mas nunca persisti, porque sempre achei mais fácil tirar tudo com o alicate, esmaltar logo e pronto. Mas de umas semanas pra cá, eu comecei a me preocupar com a saúde das minhas unhas, já que elas estavam quebrando com muita facilidade e as ondulações, especialmente nos polegares, começaram a me incomodar muito e eu decidi tentar mais uma vez.
Continue lendo…

Anúncios

Impala: Unhas bonitas e saudáveis!

Impala tem mandado esses informativos que eu sempre coloco aqui para que vocês aprendam dicas ótimas para o cuidado com as unhas! Eu adoro todas essas dicas! É assim que a gente vai montando o nosso próprio meio de cuidar das unhas e das cutículas, descobrindo o que é melhor para cada uma de nós, o que dá certo e o que não dá, e isso faz com a nossa paixão pelos vidrinhos coloridos fique ainda maior, afinal, quando estamos com as unhas bem cuidadas e lindas, a gente quer mesmo é usar uma cor diferente todo dia, não é?!

Beijinhos, meninas!
(:

O que eu faço para ter unhas mais fortes?

Depois que entrei para o mundo dos esmaltes e das cutículas, essa é a pergunta que mais escuto. Todas as pessoas querem unhas fortes, porque, como consequência, elas vão crescer muito mais bonitas!
O que acontece é que muita gente quer unhas bonitas e fortes e não fazem nada, e isso não é coisa que acontece magicamente. É preciso uma série de cuidados, desde uma alimentação rica em cálcio (como o leite e seus derivados) e ferro (folhas escuras, como a rúcula) até a maneira adquada de passar a espátula enquanto empurra as cutículas.
Juntamente com uma alimentação saudável, e todo o cuidado necessário com as cutículas, pode-se fazer uso de bases específicas para fortalecimento. E isso é o que mais se encontra no mercado!
A Colorama lançou uma linha, que eu já comentei aqui, que possui três bases específicas: Pró- Crescimento, Pró-Fortalecimento e Pró-Nivelamento. Eu uso a Pró-Crescimento, e já fiz um post só para ela, falando das maravilhas que a queridinha faz! E provavelmente, a de fortalecimento não deve deixar ninguém na mão. Vale experimentar!
A Risqué possui uma linha de tratamento, que é aquela das tampinhas roxas. Tem esfoliante para os pés, creme para as mãos, acetona em solução, amolecedor de cutículas, ultrabrilho, seda base, base 2 em 1, base fortalecedora, óleo secante hidratante, creme para pernas e pés, removedor instantâneo de esmaltes (que não tem acetona) e spray secante. Muita coisa né? E tudo possui óleo de orquídea, que além de cuidar, também hidrata! É só ir testando e ver o que dá mais certo para a sua necessidade. Também da Risqué, existe uma linha chamada “Technology“, que são uns vidrinhos bonitinhos, da tampinha cinza. São 4 produtos: Night Repair (tratamento intensivo noturno), Reestruturador (para unhas com ondulações), DNA Nails (para unhas fracas) e Máscara de Tratamento (revitalizante para as mãos).
Eu já falei também que uso uma base de formol, manipulada, que foi o que mais deu certo para fortalecer minhas unhas que eram absurdamente fracas! E eu testei tanta coisa, gente! Nada adiantou e essa base de formol salvou a minha vida (e a vida das minhas unhas hahahaha)!
Lembrando que formol é muito forte, e é de extrema importância que se teste antes, para ver se haverá alguma reação mais séria.  Para mim funcionou, mas isso não quer dizer que a base  funcione para todo mundo, não é? O ideal é consultar um médico antes, para saber qual é o tratamento mais adequado.
Cuide da alimentação, trate as cutículas com carinho e delicadeza, e depois disso, se necessário, procure a base que melhor atenda ao que você precisa, suas unhas agradecem!

Sobre cutículas!

Hi!
Lembram quando eu comentei aqui a minha conclusão sobre cutículas? Que se eu tirasse uma vez por mês seria muito mais fácil manter as benditas no lugar? Pois então, venho agora compartilhar com vocês o resultado de um mês depois.
Uma coisa é fato: há várias semanas que já não tiro mais totalmente. Dou aquela geral nelas, sempre que quero trocar de esmalte, e esses cuidados incluem empurrar, hidratar, e tirar com o alicate o que for necessário. Mas a cutícula está aqui, impecável, no lugar. Ou seja, esse negócio de tirar mesmo totalmente, mesmo que seja uma vez ao mês, já está começando a ficar descartado.
O que acontece é que quando a gente quer parar de tirar, a ansiedade pelo resultado é tão grande, que parece que se tirarmos sempre que aparecer alguma coisa indesejada, as cutículas vão desistir de crescer, e não é bem assim. Eu decidi parar de tirar há mais ou menos 3 meses, e só agora é que tenho visto resultados. Exatamente como falei no post que linkei ali em cima, é preciso muita disciplina, e persistência. Demora um pouquinho, mas os resultados aparecem.
Agora minhas unhas estão impecáveis! Muito mais fortes, muito mais bonitas, crescem com muito mais facilidade e sem ondulações! Apostem nisso, sejam persistentes, disciplinadas e hidratem muuuito!
Post curtinho só para manter vocês informadas e lembrar como é importante não tirar  as cutículas! E isso eu vou fazer sempre!
Amanhã tem swatches! =)

A recaída.

Eu tirei as cutículas :/
Confesso que fiquei com a consciência pesada, mas eu pensei o seguinte: eu estava fazendo as unhas dos pés no salão há um tempão, com intervalos maiores, de mais ou menos 25 dias (dura muuuuito!). Uso o Mira-cuticle e a cerinha da Granado sempre que eu me lembro, e belo dia eu resolvi empurrar as cutículas das unhas dos pés depois de passar o Mira, quando notei que não tinha mais nada Oo. Toda a cutícula saiu na espátula, sem que fosse preciso tirar com o alicate. Aí pensei que se eu fizer o mesmo processo com as unhas das mãos, o resultado pode ser bem parecido, não custa tentar! E decidi tirar totalmente as cutículas das mãos uma vez por mês, e manter a hidratação!
A experiência: Beeeeeem menos bifes arrancados do que da última vez que eu tirei. Pra falar a verdade foram dois machucadinhos: um em cada dedo anelar, porque a minha cutícula nesse dedo é absurda de tão fina –  nesse dedo (?).
O processo: Não foi tão fácil quanto era quando eu tirava 2 vezes por semana: com as cutículas mais finas, por conta da hidratação, qualquer movimento brusco pode fazer um estrago enorme. Todos esses hidratantes fazem diferença SIM. Senti que as cutículas ficam muito mais sensíveis, muito mais fácil pra machucar (porque elas diminuiram muito!), mas comparando com a última vez que eu tirei, que eu machuquei todos os dedos, dessa vez foi mais rápido já que não precisei ficar horas com o alicate na mão procurando cutícula pra tirar!
O resultado: Ótimo! Vale observar que essa pequena recaída – que não foi tão recaída assim, foi uma decisão hahahaha – aconteceu na semana passada, na quinta-feira, se não me engano, e hoje nada de nenhuma pele intrusa dar o ar da graça e atrapalhar a beleza do meu esmalte (Militar, Coloramapost em breve).
Agora eu vou mantendo a hidratação e os cuidados normalmente, até completar um mês! Daqui 3 semanas eu tiro de novo, e conto tudinho aqui!
:*